Peregrinos Silenciosos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Peregrinos Silenciosos

Mensagem por GAIA em Sex Abr 14, 2017 4:33 pm


Desde que deixou sua terra natal, as vastidões longínquas do Saara, a tribo conhecida como Peregrinos Silenciosos já se estabeleceu largamente nos Reinos espirituais e físicos. Os Silenciosos já atravessaram, exploraram e examinaram todas as terras conhecidas pelos Garou (e provavelmente muitas desconhecidas por eles). Os Silenciosos há muito consideram responsabilidade sua abrirem caminho para o vácuo, deslindando os segredos do desconhecido.
É irônico, portanto, que se conheça muito pouco sobre a tribo. Os Silenciosos existem na periferia da sociedade Garou, indo e vindo da forma que lhes aprouver. Eles interagem com espíritos, elementais e magos com quase a mesma freqüência com que o fazem com os outros Garou; dessa forma procuram adquirir o máximo de perspectivas diferentes, para melhor analisar as atividades da Wyrm.
Os Silenciosos adoram histórias, e apenas os Fianna rivalizam com eles na arte da narrativa. Eles preferem ouvir a narrar, mas nas raras ocasiões em que contam uma história, deixam suas platéias boquiabertas. Eles são mestres em garimpar os dados importantes de uma conversa; quando os outros lobisomens falam com um Silencioso, costumam terminar o diálogo com a impressão de que revelaram tudo e não descobriram nada. Esta reputação, aliada à recusa dos Silenciosos em comentar suas crenças ou rituais, faz com que eles sejam vistos com suspeita pelos outros Garou. Como os Silenciosos freqüentemente chegam das regiões selvagens trazendo notícias sobre um ataque iminente da Wyrm, os outros Garou criaram em torno disso o mito de que eles profetizam calamidades.
Na verdade, muitos Peregrinos Silenciosos carregam um grande fardo. Eles caminham e caminham porque não têm onde descansar. São silenciosos porque não conhecem campônios com quem possam trocar idéias. Os Silenciosos já abandonaram sua terra natal há muito tempo e jamais encontraram um lugar onde pudessem se estabelecer. Eles possuem menos caern que qualquer outra tribo, o que acarreta uma falta de conexão com Gaia que normalmente leva os outros Garou a desconfiarem deles. Os Silenciosos raramente se juntam a matilhas de outros Garou, mas quando o fazem, defendem seus irmãos adotivos com uma lealdade feroz.
Os Peregrinos Silenciosos valorizam a sabedoria e o conhecimento acima de todas as outras coisas. Suas viagens costumam conduzi-los ao coração de territórios infestados pela Wyrm e eles, mais que todos os outros lobisomens, compreendem a natureza da Wyrm. O Silencioso que passa para o lado da Wyrm torna-se um inimigo terrível.

Totem da Tribo: Coruja

Força de Vontade Inicial: 3

Antecedentes: Os Peregrinos são desencorajados a comprarem Recursos, Instrumentos e Influência. Ancestrais são restritos.


Vantagem tribal: O Presságio da Destruição
Por causa de onde eles vão e suas experiências na estrada, Peregrinos Silenciosos se tornar muito bom em ouvir os seus instintos, recebendo avisos a critério do narrador, eles sentem uma forte sensação de tormento junto com sensações de tristeza. Três vezes por historia, um Peregrino Silencioso pode refazer um teste onde tenha falhado, incluindo falhas críticas. Um teste pode ser refeito apenas uma vez, o segundo resultado sempre é definitivo.


Fraqueza tribal:Assombrado
Os Peregrinos Silenciosos sofrem uma maldição em dobro: eles não podem mais descansar dentro das fronteiras da terra natal de seus ancestrais e eles são assombrados pelos espíritos dos mortos. Quando um Peregrino tem uma falha crítica em um teste para percorrer atalhos, ele manda ondas para a Umbra Sombria, alertando qualquer aparição ou fantasma de sua presença. É quase certo de que alguma coisa vai aparecer ou para pedir ajuda ao peregrino ou para tentar destruí-lo; em áreas como antigos campos de batalha, cemitérios ou lugares similares para os mortos, o peregrino pode atrair muito mais atenção do que ele gostaria.

Nota: O Dom de Nível Cinco dos peregrinos Silenciosos: Alcançar a Umbra permite o peregrino a entrar e sair da Umbra sem medo dessa maldição.


Físico: Os Silenciosos possuem uma variedade de genótipos humanos, a maior parte decorrente de suas viagens constantes. Os Silenciosos são originários da África do Norte e portanto são, em sua maioria, africanos ou semitas, mas já cruzaram com humanos de todos os rebanhos. Na forma lupina são esguios, assemelhando-se aos chacais da arte egípcia, com expressões inescrutáveis e traços nobres. A forma Crinos dos Silenciosos pode ter sido responsável pelas lendas de divindades egípcias como Anúbis e Set.

Território: Nenhum para contar história. Os Silenciosos vagueiam para onde quiserem, raramente permanecendo em um mesmo lugar por mais de uma ou duas semanas.

Protetorado: Os Silenciosos são os batedores de sua raça. Eles ocasionalmente protegem os humanos que encontram durante suas jornadas, mas deixam a proteção da raça a cargo de outras tribos.

Citação: Há lacaios da Wyrm se aproximando pelo nordeste. Preparem-se.


Campos Tribais

• A Bruxaria Amarga: Uma sociedade secreta de Peregrinos Silenciosos que assumiu a bandeira da vingança por todos os erros cometidos contra a tribo. Muitos praticam maldições ritualísticas que datam do tempo dos faraós.

• Os Desalojados: Peregrinos Silenciosos que buscam — e algumas vezes encontram — lares temporários, mas nunca permanentes. Para os Desalojados, é a busca que importa.

• Comedores de Mortos: Um culto secreto e fora da lei de loucos Peregrinos que devoram cérebros de cadáveres para descobrir seus segredos.

• Arautos: Considerados uns dos mais sábios Garou, os Arautos são mensageiros de eventos de importância e profetas que trazem esperança e avisos em quantidade equivalente junto de si em suas viagens.

• Observadores: Professores entre os Garou, os Observadores são enciclopédias ambulantes de cultura e conhecimento perdidos.

• Espadas da Noite: Um campo de caçadores de vampiros que exemplifica o ódio ancestral dos Peregrinos Silenciosos pelos Sanguessugas.

• Caminhantes: Peregrinos mercenários que trabalham para outras tribos em nome da correspondência e comunicação.
avatar
GAIA
Admin

Mensagens : 340
Data de inscrição : 05/07/2016

Ver perfil do usuário http://lobisomemrpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum